A Casa do Brasil de Lisboa desenvolve vários projetos com atividades que promovem a integração dos e das migrantes em Portugal, tais como: Gabinete de Orientação e Encaminhamento, Gabinete de Inserção Profissional, Grupo de Acolhida, Sessões Informativas e outros projetos na área dos acessos e da participação social.

GABINETE DE ORIENTAÇÃO E ENCAMINHAMENTO (GOE)

O GOE faz parte da rede CLAIM (Centro Local de Apoio de Integração de Migrantes), parceira com a Câmara Municipal de Lisboa no âmbito do PMIML - Plano Municipal de Migrantes de Lisboa 2018-2020, e oferece orientação e encaminhamento no que se refere à regularização e legalização em Portugal, bem como acessos aos serviços públicos e privados, como por exemplo: saúde, educação, justiça, segurança social, entre outros. O gabinete também informa sobre direitos trabalhistas e outras questões relacionadas à integração dos /as imigrantes brasileiros/as e de outras nacionalidades em Portugal.

Além do GOE na sede em Lisboa, realizamos atendimento na Loja Cascais às terças e sextas das 10h às 13h, no âmbito da parceria com a Câmara Municipal de Cascais.

O atendimento no GOE Lisboa e Cascais é presencial e gratuito, mediante marcação prévia que pode ser solicitada por telefone (213 400 000), e-mail (goe.lisboa@casadobrasildelisboa.pt e goe.cascais@casadobrasildelisboa.pt) ou pessoalmente (Rua Luz Soriano, 42, Lisboa).

Horário de atendimento em Lisboa: Dias úteis das 11h às 13h e das 15h às 18h

GABINETE DE INSERÇÃO PROFISSIONAL (GIP)

O Gabinete de Inserção Profissional (GIP) da Casa do Brasil de Lisboa integra a REDE GIP IMIGRANTE através de protocolo de parceria entre o Instituto de Emprego e Formação Profissional (IEFP) e o Alto Comissariado para as Migrações (ACM) e presta apoio a jovens e adultos desempregados no seu percurso de inserção ou reinserção profissional e/ou formativo.

Entre as atividades desenvolvidas pelo GIP estão a elaboração de currículo e técnicas de procura de emprego, divulgação e encaminhamento para ofertas de emprego e de qualificação e orientação para medidas de apoio ao empreendedorismo. O gabinete também estabelece parcerias com empresas e entidades formadoras que utilizam seus serviços gratuitos de apoio a recrutamento para ofertas de emprego e de formação.

O atendimento no GIP é presencial e gratuito, mediante marcação prévia que pode ser solicitada por telefone (213 400 000), e-mail (gip@casadobrasildelisboa.pt) ou pessoalmente (Rua Luz Soriano, 42, Lisboa).

GRUPO ACOLHIDA​

O Grupo Acolhida é realizado pela Casa do Brasil de Lisboa desde 2012 e consiste em encontros semanais do Grupo de Ajuda Mútua. O Grupo Acolhida tem o conceito de um trabalho em grupo, um espaço de conversas, partilha de informações e vivências, uma vez que a experiência compartilhada diminui o isolamento, proporciona reflexões e aumenta as chances de superação das dificuldades pela rede solidária que se forma.

Os encontros são realizados todas as quartas-feiras das 16h às 17h30 e não é preciso inscrição prévia.

O Grupo Acolhida é uma atividade do Projeto Sinergias – O que nos une? Metodologias Participativas e Integração dos/as NPT, financiado pelo FAMI (Fundo para o Asilo, Migração e Integração) gerido pelo ACM (Alto Comissariado para as Migrações).

CICLO DE SESSÕES INFORMATIVAS​

Com temas específicos, o Ciclo Sessões de Informação complementam o trabalho realizado pelo Grupo de Ajuda Mútua, pois é um espaço de informação mais específica a respeito dos direitos e deveres.
São sessões informativas com temas como: Regularização em Portugal; Direitos e Deveres dos\as imigrantes, Nacionalidade Portuguesa; Acesso à Saúde; Direitos e Deveres do Trabalhador e Migrações no Feminino.
O Ciclo de Sessões Informativas é uma atividade do Projeto Sinergias – O que nos une? Metodologias Participativas e Integração dos/as NPT, financiado pelo Fundo para o Asilo, Migração e Integração - FAMI, gerido pela Alto Comissariado para as Migrações -ACM.
A participação é gratuita e a divulgação ocorre nos canais de divulgação da CBL nas redes sociais.

INFORMA EM AÇÃO

O projeto pretende promover o acesso ao SNS por parte dos e das migrantes  a melhoria das condições em que o mesmo se realiza, bem como aumentar a informação e sensibilização dos/as profissionais sobre especificidades no atendimento de migrantes, através da construção e disseminação de produtos informativos a partir de um processo metodológico que promove uma maior compreensão e comunicação entre profissionais e comunidades imigrantes.

O projeto Informa em Ação é desenvolvido em parceria com o GAT - Grupo de Ativista para o Tratamento, GABIP Almirante Reis e USF da Baixa e financiado pelo FAMI (Fundo para o Asilo, Migração e Integração) gerido pelo ACM (Alto Comissariado para as Migrações) e será realizado de 1 de ´setembro de 2018 e 31 de maio de 2020.

Migrante Participa Fora de Portas - Caminhos para a Igualdade

A Casa do Brasil de Lisboa desenvolve desde  outubro de 2018 o projeto Migrante Participa Fora de Portas: Caminhos para Igualdade, financiado pelo Programa de Apoio ao Associativismo Imigrante (PAAI) 2018/2019, com o objetivo de promover a participação dos/as migrantes residentes em Portugal por meio da reflexão partilhada e o aumento do conhecimento acerca de questões do processo migratório e dos direitos e deveres do/as migrantes.

O projeto prevê a realização tertúlias, folhetos informativos e documento de recomendações com o diagnóstico da situação e propostas de soluções/intervenções relacionados com a temática de cada uma das tertúlias, elaborado através de um processo de construção participativo e a realização do seminário Migrantes e a Igualdade de Oportunidades